TURISMO, CULTURA E RESISTÊNCIA

É com imenso prazer e muita alegria que recebemos os nossos visitantes para compartilhar um pouco das nossas histórias, nosso modo de viver e nossa terra.

O Turismo Comunitário para nós, representa muito mais do que um meio de renda extra, mas principalmente, uma forma de divulgarmos nossa realidade, mantendo viva nossa cultura e fortalecendo nosso movimento de resistência e preservação da biodiversidade e do nosso modo de vida tradicional.

 

Alimentação

A cozinha é um dos pontos onde a cultura de um povo se revela - a identidade, o sabor e o saber fazer marcam a culinária como patrimônio imaterial de uma cultura, é a manifestação da memória e da história numa atividade tida como corriqueira, mas que é de fácil percepção e entendimento como parte do passado.

Pratos Tradicionais – Do mar, do rio e do mangue saem os ingredientes para os diversos pratos tradicionais da comunidade, como a Caranguejada, a Moqueca de arraia, o Pirão, os pratos a base de búzios, peixes e ostras e a Galinha Caipira.

Comer no Mato – Um dos programas de lazer preferidos da comunidade: família e amigos se reúnem para ir ao rio pescar, catar caranguejo ou ostras e prepará-los ali mesmo, num pirão, numa caldeirada ou assado, enquanto se refrescam nas aguas do Jaguaribe.

Este é um programa que pode ser combinado com um passeio de barco (é necessário agendar com antecedência).

Pratos Feitos – Também são servidos pratos feitos para o almoço e jantar do dia a dia.

Em todos os casos, é necessário reservar com antecedência.

 

Hospedagem

Dentro da Comunidade Quilombola, você poderá se hospedar na casa dos próprios moradores e, assim, imergir ainda mais em nossa cultura. São casas simples, de famílias que abrem suas portas com muito prazer e alegria.

Todas as acomodações oferecem roupas de cama e banho e café da manha.

Ana Paula

A família de Ana oferece um quarto com cama de solteiro com TV e DVD. Também é possível armar duas redes na sala.

Katia

A família de Katia oferece dois quartos com camas de casal e um quarto livre para armar redes ou colocar colchonetes. Também dispõem de wifi.

Dona Edite

Oferece uma suíte com cama de solteiro onde é possível esticar mais um colchão de solteiro no chão ou armar uma rede.

Também oferece um quarto com cama de casal. Dispõe de wifi.

Luciana

A família de Luciana oferece duas suítes com camas de casal. Também há ganchos para armar redes e espaço para  colchonetes. Dispõem de wifi.

Camping

Também é possível acampar na comunidade. Entre em contato para mais informações.

 

Passeio de Barco

A melhor maneira de conhecer o rio Jaguaribe, seu entorno, gamboas e manguezais é a com os próprios pescadores da comunidade. É possível fazer quatro tipos de passeio: “Foz”, “Ilhas do Jaguaribe”, “Canal do Amor” e “Comer no Mato”.

Horários: a combinar, com saídas pela manhã ou fim de tarde, a depender da maré.

Canal do Amor

Saídas do Cumbe, passando pelo manguezal da Gamboa ate o rio, seguindo ate o canal do amor. Entra no canal e segue até o pé da duna para banho.

Durante o passeio se pode ver o Forte na Pedra do Chapéu.

Duração: 2:30 a 3hs.

Condição: Para chegar até o pé da duna a maré deve estar cheia.

Foz do Jaguaribe

SaídasSaídas do Cumbe à foz do rio Jaguaribe, passando pelo manguezal da Gamboa ate o rio com paradas para banho no Remanso e barracas no Porto do Joao da Cunha. Durante o passeio se pode ver o Forte na Pedra do Chapéu.

Duração: 2:30 a 3hs.

Ilhas do Jaguaribe

Saídas do Cumbe, passando pelo manguezal da Gamboa ate o rio em direção à ilha do Caldeleiro, seguindo para visita à praia das conchas para observação da Mariscagem típica local (pesca e beneficiamento do marisco), seguindo para banho na Ilha do Pinto e volta contornando a ilha.

Duração: 2:30 a 3hs.

"Comer no Mato"

Passeio de barco mais curto, com foco no programa de lazer preferido da comunidade: família e amigos se reúnem para ir ao rio pescar, catar caranguejo ou ostras e prepará-los ali mesmo, num pirão, numa caldeirada ou assado, enquanto se refrescam nas aguas do Jaguaribe.

Duração: a combinar.

 

Trilhas Ecológicas

Caminhadas guiadas pelos entornos da comunidade para conhecer pontos históricos, sua fauna e flora e aprofundar um pouco mais nas origens e história da Comunidade do Cumbe.

Rio e Mangue

Trilha de reconhecimento do ecossistema manguezal passando por seus limites até o rio Jaguaribe, conhecendo a fauna e a flora local.

Duração: 1h00 de caminhada leve.

Saída: manha ou tarde da Sede da Associação Quilombola.

Arqueológica

Subida às dunas para visitação de sítio arqueológico. Também se pode ter uma bela vista da comunidade e seu entorno e conhecer a flora frutífera local, como o Murici e a Azeitona. Se o passeio for realizado no fim da tarde, pode-se terminar com um belo por do sol.

Duração: 1h00 de caminhada moderada.

Saída: manha ou tarde da Sede da Associação Quilombola.

 

Passeio a Cavalo

De forma tradicional, você pode conhecer as dunas, tomar banho nas lagoas que se formam na época de chuvas ou visitar comunidades vizinhas. No final, ainda pode fechar o passeio curtindo um por do sol maravilhoso.

Associação Quilombola do Cumbe - Comunidade do Cumbe, Aracati, Ceará.

  • Facebook - Grey Circle